segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

Pernambuco: mortes de homossexuais em 2012 não foram por homofobia

Pernambuco: mortes de homossexuais em 2012 não foram por homofobia
http://intoleranciahomossexual.blogspot.com.br/2012/12/pernambuco-mortes-de-homossexuais-em.html

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Palestra imperdível com o renomado jurista, Dr. Ives Gandra.

Palestra imperdível com o renomado jurista, Dr. Ives Gandra.

Faça agora sua inscrição.

Justiça no Brasil: Estamos nas maõs de uma minoria que julga segundo suas opiniões próprias?

Por que o STF tomou decisões que chocam a consciência da maioria cristã dos brasileiros?

http://direitoreformacional.blogspot.com.br/2012/08/palestra-imperdivel-com-o-renomado.html

segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Os Militantes Gays são os Maiores Intolerantes da Atualidade!

Os Militantes Gays são os Maiores Intolerantes da Atualidade!
http://mulherreformada.blogspot.com.br/2012/08/os-militantes-gays-sao-os-maiores.html

Prisão para delitos contra a natureza e liberdade para abortos

Um horticultor de 53 anos da localidade de Aparecida do Taboado, Mato Grosso do Sul, foi multado e poderá responder por crime ambiental.

A multa estipulada é R$ 5.000,00 por desvio de um córrego em sua propriedade para a constituição de tanques que serviriam para a irrigação. Segundo a Polícia Militar Ambiental (PMA) – a única Polícia Militar tolerada pelos ambientalitas – a área desmatada é de preservação ambiental.

Se condenado por crime ambiental o infeliz agricultor poderá ficar detido de um a três anos e também deverá apresentar em órgãos ambientais responsáveis um plano de recuperação da área degradada (PRAD).

No Brasil quando se fala em prender mulheres que praticaram aborto, muitas vozes se levantam para dizer que as prisões estão cheias e tantos abortos são praticados que não haveria lugar que baste. Mas essas mesmas vozes se emudecem em face do caso acima. Será que as prisões se esvaziaram da noite para o dia? Ou será que para essas vozes desviar um córrego para produzir alimentos é mais grave que matar uma vida humana inocente?

_______________

Fonte: Produtor é multado em R$ 5 mil por desviar curso de córrego em MS


http://www.ipco.org.br/home/noticias/prisao-para-delitos-contra-a-natureza-e-liberdade-para-abortos


 

 

Divulgação:

 


sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Esta opinião de Umberto Eco é absolutamente falsa e irracional

Esta opinião de Umberto Eco é absolutamente falsa e irracionalhttp://epistemologiadeumbertoeco.blogspot.com.br/2012/08/esta-opiniao-de-umberto-eco-e.html#!/2012/08/esta-opiniao-de-umberto-eco-e.html

Cuidado com os Senadores do PT, Socialistas e Esquerdistas pelo Novo Projeto do Código Penal

Instituto Plinio Corrêa de Oliveira

Prezado(a) Luis,
Ontem mandei para você um e-mail falando sobre emitirmos nossa opinião a respeito do Novo Código Penal.
Se você tentou mandar a mensagem para o Senado, deve ter percebido que não é possível “colar” no campo “Mensagem” da página do Senado que indicamos, o texto que sugerimos.
Aparece a seguinte mensagem:
Instituto Plinio Corrêa de Oliveira
Isso prova o quanto os senadores estão “preocupados” com a opinião dos brasileiros.
Colocam esse dispositivo exatamente para que ninguém se organize coletivamente e proteste!
Eles querem que você lute sozinho. Que você se sinta um Dom Quixote diante do poderoso moinho do Senado Federal.
Isso é inaceitável!
Eles querem seu voto, mas não querem sua opinião!
Eles gostam de - em período eleitoral - andar pelas ruas com seus bajuladores de plantão, abraçando idosos e crianças, tomam café no botequim da esquina, etc...
Depois de eleitos o que acontece?
DISTANCIAMENTO.
Montam dispositivos para dificultar manifestações dos eleitores, como esse que colocaram no Site do Senado.
Nenhuma mensagem podemos enviar!
Mas nós não desistimos fácil.
Achamos uma brecha e é por ela que iremos passar e levar a mensagem aos senadores.
Você pode enviar a mensagem que escrevemos abaixo na página da Ouvidoria do Senado Federal (aqui).
Segue a mensagem.
Senhores senadores,

Como cidadão brasileiro, contribuinte e eleitor, venho pedir que os Srs. ouçam suas consciências de cristãos e não permitam, em hipótese alguma, que o aborto seja ampliado no Brasil, nem a maconha liberada, muito menos que seja criminalizada a chamada homofobia, tampouco que a pena para o infanticídio seja diminuída.Enfim, que não seja aprovado por esta Casa de Leis nenhum item do Código Penal que contrarie as Leis de Deus e a vontade da grande maioria da população brasileira.

Estaremos atentos e acompanharemos a atuação de cada Senador para sabermos votar de modo mais consciente nos próximos pleitos.

Vamos eleger aqueles que são favoráveis à proteção
da vida.

Com esperança em sua decisão acertada, despeço-me.

(seu nome completo).
Luis, posso contar com você para mais esta empreitada?
Eu tenho absoluta certeza que sim, pois não vai lhe custar nada, e, ao fazer isso, você ainda poderá ajudar a:
- salvar milhões de bebês do aborto;
- prevenir o vício das drogas;
- fazer com que não se cometa injustiças penais e muitas outras coisas erradas aos olhos de Deus.
Fale sobre a página de ouvidoria do Senado com todos os que você conhece e peça a eles que também enviem estas sugestões.
O tempo está se esgotando, é a hora de agir.
Cordialmente,
Instituto Plinio Corrêa de Oliveira
Mario Navarro da Costa
Diretor de Campanhas do
Instituto Plinio Corrêa de Oliveira
www.ipco.org.br
PS: Se você ainda não sabe detalhes do Código Penal, não deixe de ver o vídeo de alerta que preparamos: www.diganaoaculturadamorte.com.br
PS2: O novo Projeto de Código Penal contém ainda outros dispositivos perversos. Em breve eu lhe escreverei para esclarecer sobre isso.




 

 

Divulgação:

 



VÍDEOS INTELIGENTES:

http://academiaemdebate.blogspot.com


Instituto Plinio Corrêa de Oliveira

Prezado(a) Luis,
O Projeto de Novo Código Penal já está em discussão no Senado, você sabia?
E deram um prazo curto para a discussão dos mais de 500 assuntos que fazem parte dele.
Há meses que estamos na luta contra alguns itens deste novo Código Penal, que prevê, entre outros absurdos:
- legalizar o aborto em alguns casos;
- liberar o plantio da maconha para uso pessoal;
- criminalizar a homofobia.
Você, sua família, seus amigos e quem mais for defensor da vida e da moral cristã, podem e devem ajudar a barrar tais absurdos.
Entre agora mesmo na página de sugestões do Senado e peça categoricamente a exclusão dos itens citados.
Se quiser, pode copiar o texto abaixo:
Senhores senadores,

Como cidadão brasileiro, contribuinte e eleitor, venho pedir que os Srs. ouçam suas consciências de cristãos e não permitam, em hipótese alguma, que o aborto seja ampliado no Brasil, nem a maconha liberada, muito menos que seja criminalizada a chamada homofobia, tampouco que a pena para o infanticídio seja diminuída.

Enfim, que não seja aprovado por esta Casa de Leis nenhum item do Código Penal que contrarie as Leis de Deus e a vontade da grande maioria da população brasileira.

Estaremos atentos e acompanharemos a atuação de cada Senador para sabermos votar de modo mais consciente nos
próximos pleitos.


Vamos eleger aqueles que são favoráveis à proteção da vida.

Com esperança em sua decisão acertada, despeço-me.

(seu nome completo).
Luis, posso contar com você para mais esta empreitada?
Eu tenho absoluta certeza que sim, pois não vai lhe custar nada, e, ao fazer isso, você ainda poderá ajudar a:
- salvar milhões de bebês do aborto;
- prevenir o vício das drogas;
- fazer com que não se cometa injustiças penais e muitas outras coisas erradas aos olhos de Deus.
Fale sobre esta página de sugestões do Senado com todos os que você conhece e peça a eles que também enviem estas sugestões.
O tempo está se esgotando, é a hora de agir.
Cordialmente,
Instituto Plinio Corrêa de Oliveira
Mario Navarro da Costa
Diretor de Campanhas do
Instituto Plinio Corrêa de Oliveira
www.ipco.org.br
PS: Se você ainda não sabe detalhes do Código Penal, não deixe de ver o vídeo de alerta que preparamos: www.diganaoaculturadamorte.com.br
PS2: O novo Projeto de Código Penal contém ainda outros dispositivos perversos. Em breve eu lhe escreverei para esclarecer sobre isso.

quarta-feira, 30 de maio de 2012

Novo Código Penal: uso de drogas não será crime (Diga não aos juristas petistas e socialistas depravados e imorais que estão trabalhando para institucionalizar Sodoma e Gomorra no Brasil)


Novo Código Penal: uso de drogas não será crime

Julio Severo
A comissão de juristas que está tratando da reforma do Código Penal no Senado aprovou nesta segunda-feira (28) texto que descriminaliza o uso, compra, porte ou depósito de qualquer droga para consumo próprio.
A recomendação, aprovada pelos juristas, não teve como origem um grupo de drogados de esquina. A autora é a defensora pública Juliana Belloque, que afirmou que se baseou na tendência mundial de descriminalização do uso de drogas.
Ela explicou que há uma diferença entre usuário e traficante de drogas. Com essa explicação, a comissão aprovou a diminuição da pena máxima para o preso por tráfico.
Se a reza dos viciados do Brasil era “Dá-nos hoje a droga de cada dia”, a resposta do chifrudo vermelho veio através de sua assessoria jurídica.
 
“Eu e minha assessoria jurídica estamos preparando uma surpresa legal para o Brasil!”
Aliás, mais rezadores estão aproveitando a boa vontade infernal de tal assessoria. Os supremacistas gays querem a “sodomia de cada dia”, os índios assassinos de bebês e crianças querem o “sacrifício de inocentes de cada dia”, os matadores de velhinhos e doentes estão rezando pela eutanásia, os médicos empresários estão rezando pelo “lucro de cada dia” que se fará com a culminação da legalização do aborto total mediante a brecha do aborto anencefálico e os homonazistas estão rezando “pelo cristão de cada dia a ser jogado na arena dos leões” com suas leis anti-“homofobia”. E a fila deverá trazer outros rezadores também.
Semana passada, a mesma comissão de juristas aprovou o aborto por anencefalia (que é a cabeça de praia para outros abortos) e a criminalização da “homofobia”. O infanticídio e outras aberrações éticas já estão no cardápio dos adeptos da “cultura da morte”.
São temas que, em passado recente, seriam normalmente aprovados por viciados alucinados e enlouquecidos. O Tribunal de Nurembergue teria condenado tais criaturas à forca. Mas mentes jurídicas modernas fizeram tal aprovação.
Se fizeram seus estudos universitários do jeito que já vi muitos jovens brasileiros fazendo — sob a inspiração de depravações e “fumanças legais” —, então os resultados dessa comissão estão explicados. É impossível esperar princípios éticos de quem estudou sob tais inspirações.
As fortalezas da ética — as igrejas e grupos de cristãos que adoram Jesus Cristo — que estão mobilizadas contra o aborto legal, o supremacismo gay, as drogas e o infanticídio de crianças como mera cultura indígena precisam estar alerta para a nova frente de batalha contra a vida e a família.
Mentes jurídicas, que estão se comportando como fumadores de esquina, estão dispostas a traficar para o Código Penal a própria cultura da morte sob pretextos progressistas e até de “direitos humanos” — palavra-mágica que permite a realização social dos desejos das profundezas mais escuras do chifrudo e sua assessoria jurídica.
Se não reagirmos agora, seremos governados por leis que exigirão da sociedade brasileira o respeito ao aborto, à sodomia, às drogas e ao infanticídio indígena, trazendo como consequência o desrespeito à ética e aos valores familiares e cristãos. No final, o Brasil estará se prostrando diante do chifrudo e sua sede de sacrifícios.
Como sugere o Salmo 125:3, quando as leis dos maus governam uma sociedade, até as pessoas boas começam a cometer maldades.
Se não houver oposição firme das fortalezas da ética, seremos governados por leis que nos levarão ao mal e à destruição.
A boa notícia é que o Congresso Nacional ainda não aprovou o novo Código Penal. Quem o aprovou foram apenas os juristas com cabeça de fumadores de esquina.
A notícia não tão boa é que o povo ainda não se mobilizou contra as novas leis que estão pretendo nos enfiar goela abaixo.
É hora de nos mobilizarmos contra essas drogas de leis, antes que seja tarde demais.
 
O que fazer?

Telefone ou escreva agora mesmo ao senador e deputado federal do seu estado. Para encontrar informações sobre o senador do seu estado, vá a este site: http://www.senado.gov.br/
Para encontrar informações sobre o deputado federal do seu estado, vá a este site: http://www.camara.gov.br/

Além disso, telefone e pressione imediatamente a Frente Parlamentar Evangélica para agir: (61) 3215-5315.

Comissão do Senado aprova criminalização da “homofobia” no novo Código Penal
Pais não estão conscientes dos problemas de drogas de seus filhos
Médico cristão é demitido de conselho consultivo de drogas devido a preocupações envolvendo a homossexualidade

Enviar por e-mailBlogThis!Compartilhar no TwitterCompartilhar no FacebookCompartilhar no Orkut
 
 

domingo, 12 de fevereiro de 2012

O PROIBIDO REXSPY

O PROIBIDO REXSPY



A espionagem que é instrumento de guerra usado desde os tempos remotos e também utilizado pelas polícias de todo o mundo como uma ferramenta importante na investigação e elucidação de crimes, com a modernidade ganhou meios tecnológicos importantíssimos para fortalecer o seu lado positivo. Mas também tem seu lado negativo, isto quando está a serviço daqueles que agem à margem da lei.

No atual tempo, no tempo da internet e dos celulares, encontramos diversos programas, que hoje não estão agrupadas somente ao imaginário da ficção cientifica, nem tampouco são usados somente nas necessárias investigações criminais, como também para praticar crimes.

Por obvio, para o bem geral, a polícia tem que estar bem estruturada e possuir equipamentos eletrônicos capazes de promover dentre outros, o chamado popularmente “grampo telefônico” cada vez em maior e melhor escala para bem acompanhar e combater a escalada do crime, quando, obviamente, autorizado por decisão judicial.

Entretanto, a tecnologia já alcançou um programinha denominado de REXSPY, e até outro do mesmo gênero, uma espécie de vírus que consegue, com uma facilidade espantosa, grampear qualquer telefone celular, transformando também o aparelho em uma espécie de microfone, permitindo que aquele que realizou o grampo passe a escutar e gravar toda a conversa havida entre o usuário do celular grampeado e seus interlocutores.

O REXSPY ao ser instalado no celular, funciona como uma ponte de um telefone para outro, e para grampear só é preciso do número de telefone a quem se quer monitorar. Depois o Programa envia vírus para o telefone grampeado. Pronto, simples e rápido: O REXSPY já fez seu trabalho. Daí em diante o telefone grampeador recebe um SMS toda vez que o telefone grampeado for usado. Além da escuta da conversa do telefone grampeado pode também ser escutado o que está acontecendo no ambiente ao seu redor.  Além disso tudo, a partir de então, para completar a lesão absoluta da vítima, o telefone “espião” passa a ter acesso a todos os dados do aparelho grampeado, como a sua agenda telefônica, mensagens de texto, fotos e vídeos.

A demonstração sobre o programa REXSPY foi feita há alguns meses atrás a um público de agentes de inteligência de diversos órgãos como a Polícia Federal, a Agência Brasileira de Inteligência, o Tribunal de Contas da União e a Corregedoria Geral da União, reunidos em seminário promovido pela Comunidade de Inteligência Policial e Análise Evidencial.

Com apenas um celular nas mãos, o presidente da Companhia SecurStar, Wilfried Hafner, foi capaz de grampear conversas telefônicas, acessar dados de outros aparelhos e usar os celulares grampeados como microfones para escutas ambientais. O programa espião então denominado REXSPY foi desenvolvido por sua empresa para mostrar a vulnerabilidade do sistema de telefonia celular. De acordo com ele, versões similares do vírus circulam pela internet em comunidades de hackers, principalmente na China e Coréia do Sul.

Wilfried Hafner mostrou ainda a possibilidade de se adquirir pela internet um programa chamado FlexiSpy, que também permite o grampo de celulares, mas, diferente dos vírus similares ao REXSPY, é preciso instalá-lo diretamente no celular, o que dificulta seu uso. O produto pode ser adquirido por cerca de R$ 250 e, na maioria das vezes, tem sido usado, segundo a empresa, por mulheres que querem monitorar seus maridos, ou vice-versa.

Essa tecnologia do programa REXSPY, infelizmente, pode já estar sendo usada pelo crime organizado e pelos grandes traficantes de drogas, além da espionagem industrial, para monitorar a ação de suas vítimas e consequentemente da Polícia, do Ministério Público e da Justiça. Assim, chegou mais um grande problema para dificultar ainda mais o trabalho das autoridades competentes no combate ao crime.

Contudo, não devemos esquecer que usar tal subterfúgio tecnológico tanto do REXSPY ou qualquer similar aqui no Brasil, protegendo o direito constitucional da liberdade de comunicação do cidadão, constitui crime previsto na Lei nº 9296/96, mais conhecida como Lei da Interceptação Telefônica, qual seja a sua previsão:

Art. 10. Constitui crime realizar interceptação de comunicações telefônicas, de informática ou telemática, ou quebrar segredo da Justiça, sem autorização judicial ou com objetivos não autorizados sem lei. Pena: reclusão, de dois a quatro anos, e multa.

Assim, há de se alertar ao bom e ordeiro povo brasileiro que não caia na armadilha de instalar um programa REXSPY ou similar no seu celular, pois se assim o fizer, estará sujeito a sentir o peso da lei.



Autor: Archimedes Marques (Delegado de Policia no Estado de Sergipe. Pós-Graduado em Gestão Estratégica de Segurança Pública pela Universidade Federal de Sergipe). archimedes-marques@bol.com.br 

Divulgação: http://luis-cavalcante.blogspot.com / http://direitoreformacional.blogspot.com

CONSULTORIA FINANCEIRA